Voltar para notícias · 20 fevereiro, 2019

Na Câmara Municipal Paulo Corrêa destaca necessidade de esclarecimentos técnicos sobre conta de energia

Ao participar da Audiência Pública realizada pela Câmara Municipal de Campo Grande para discutir os aumentos nas contas de energia elétrica, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado Paulo Corrêa, falou da necessidade da Energisa dar mais esclarecimentos técnicos sobre o porquê dos aumentos significativos nas contas dos consumidores do Estado.

O evento, que aconteceu na tarde desta quarta-feira, foi proposto pelo presidente da Câmara, vereador Professor João Rocha (PSDB) e pelo vereador Valdir Gomes (PP), com a presença de deputados estaduais e vereadores da Capital e do interior, além de representantes da população.

Ao falar em nome da Assembleia, Paulo Corrêa parabenizou o legislativo municipal pela iniciativa e destacou a importância da união dos poderes para resolver o problema que hoje atinge grande parte da população do Estado.

“Estamos discutindo esse assunto abertamente. Há uma mobilização dos vereadores de Campo Grande e de todos os municípios de Mato Grosso do Sul. Não podemos ficar calados e vamos fazer também reuniões técnicas, possibilitando rever alguma coisa e avaliar se de repente há um problema maior do que o calor. O foco é a defesa do consumidor do Mato Grosso do Sul e temos que discutir em conjunto”, disse o presidente.

Paulo Corrêa também lembrou que no próximo dia 12 de março a Assembleia Legislativa realizará uma audiência pública para tratar o assunto e que no dia 14 acontece a reunião com o presidente da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), André Pepitone, na Escola da Construção do Senai.

“Essa reunião será técnica. Queremos saber o que é possível ser feito. Por isso, solicitei a vinda do presidente da Aneel. Temos dois lados, o calor e utilização maior de energia, mas temos que medir exatamente o que aconteceu. Uma conta é composta por 136 itens e temos que analisar para saber se houve abuso ou não”, ressaltou.  

Presente na audiência, o diretor técnico comercial da Energisa, Paulo Roberto dos Santos, explicou que apenas 20% da conta são de responsabilidade da distribuidora e que os aumentos nas contas têm ocorrido em vários estados do país.

“Tivemos no nosso sistema um aumento bastante expressivo do volume de energia entregue aos nossos consumidores. Mensalmente nós compramos algo em torno de 460 gigawatt-hora de energia e no mês de dezembro nós compramos aproximadamente 490, 30 gigawatt a mais, o que representa mensalmente o consumo de três cidades como Dourados, Ponta Porã e Corumbá. Isso vai refletir certamente nas contas de energia e está acontecendo no Brasil inteiro”, explicou.

Também participaram da audiência os deputados Capitão Contar (PSL), Felipe Orro (PSDB), Jamilson Name (PDT), Marçal Filho (PSDB) e João Henrique (PR).

 

Deputado Estadual Paulo Corrêa

Copyright 2021 © Paulo Corrêa - Deputado Estadual | Todos os direitos reservados

Localização

Palácio Guaicurus | Av. Desembargados José Nunes da Cunha,
Parque dos Poderes - Bloco 9 - Jd. Veraneio.
CEP:79031-901 - Campo Grande – MS